Home

Brasil sai na frente, leva gol no fim em pênalti duvidoso, empata com o São Luiz em Ijuí, mas segue como vice-líder do Grupo B da Segundona Gaúcha


No encerramento do turno, o rubro-verde farroupilhense foi até Ijuí, encarar o São Luiz no 19 de Outubro, na noite desta segunda. O Brasil, com 12 pontos, buscava retomar a liderança após a vitória do Glória sobre o Panambi. Os mandantes, por sua vez, buscavam melhorar sua condição na tabela do Grupo B, já que estavam apenas em 6º, com 7 pontos.
O São Luiz começou pressionando, mas as ameaças vinham apenas em chutes de longa distância, sem ameaçar o gol de Ismael. Aos poucos, o rubro-verde equilibrou o confronto e criou chances de abrir o marcador. Dinei, em violento chute de fora da área, aos 20 minutos, por pouco não inaugurou o placar. Aos 35, Raphael Alemão obrigou o goleiro Jonatas a praticar boa defesa espalmando para escanteio.
De tanto insistir, o gol acabou saindo. Aos 44 minutos, o meia Gustavinho, que estava atuando na lateral esquerda, cobrou escanteio e Dinei subiu mais alto que a defesa do São Luiz para marcar o 1 a 0. Foi o primeiro gol do centroavante na Segundona Gaúcha. O placar permaneceu até o apito final e mostrou o domínio da equipe farroupilhense, que mais uma vez mostrou maturidade como visitante.
Na etapa final, o filme se repetiu. O time de Ijuí começou pressionando em busca do empate, mas sem qualquer tipo de organização. A melhor chance foi com o atacante Ari, que chutou por cima da meta defendida por Ismael aos 15 minutos. Aos poucos, o nervosismo passou a tomar conta do São Luiz e o Brasil soube usar isso a seu favor, controlando a partida e levando perigo ao gol dos mandantes.
O técnico Paulo Henrique Marques retirou o volante Zé Lucas e pôs o centroavante Tiago Moraes, mas a pressão não surtiu efeito. O domínio do confronto seguiu com o rubro-verde. Aos 25 minutos, o São Luiz criou uma oportunidade de gol. Ronaldinho Gramadense cruzou, Jean Dias finalizou, Ismael defendeu e deu rebote, a bola sobrou para Tiago Moraes, mas ele chutou para nova defesa do arqueiro rubro-verde.
Marques fez mais duas alterações para a equipe de Ijuí, colocando o meia Rafael Lima e o centroavante Caetano nos lugares do lateral Adriano e do meia Tiago Silva. Paulo Matos, por sua vez, sacou o volante Capinha e deu fôlego novo ao setor, colocando no lugar Filipe. A partida ficou tensa à medida que o tempo avançava e a pressão sobre o São Luiz aumentava.
Os mandantes quase chegaram à igualdade em finalização de Ari. Mas ele parou na boa defesa de Ismael. Na reposição rápida, Raphael Alemão disparou sozinho, venceu a marcação e ficou cara a cara com Jonatas, mas tentou encobrir o goleiro do time de Ijuí que praticou a defesa. Eram 39 do 2º tempo e o gol praticamente sacramentaria a vitória farroupilhense.
A punição veio na sequência. Rafael Lima tocou para Ari que lançou Jean Dias, ele entrou na área e caiu. O juiz marcou pênalti, muito contestado pelo time farroupilhense. Jean Dias cobrou o decretou o empate aos 45 minutos: 1 a 1. O atacante Ari ainda teve a chance de decretar a virada aos 48 minutos, mas desperdiçou chance incrível. Fim de papo e igualdade no 19 de Outubro, que teve gosto de derrota pela performance do Brasil e pelo gol sofrido no final.
Com o empate, o Brasil ficou em 2º lugar, com 13 pontos. O líder é o Glória (que venceu o Panambi por 1 a 0 em Vacaria) e está com 15. O Esportivo, que venceu o Lajeadense por 2 a 0, em Bento Gonçalves, está em 3º com 11 e o time de Lajeado fecha o grupo de classificados, em 4º, com 10. O União, que ficou no 1 a 1 ao visitar o Tupi, em Crissiumal, está em 5º, com 9. O São Luiz permanece em 6º, com 8 pontos. O Tupi ficou em 7º, com 6. O Panambi é o lanterna, com apenas 2.
A Segundona Gaúcha não tem jogos neste meio de semana. O returno será aberto no próximo domingo e com os mesmos confrontos com mando invertido, pelo fato da tabela ser espelhada. O Brasil recebe o São Luiz nas Castanheiras, o União o Tupi no Vermelhão da Colina, o Panambi encara o Glória no João Marimon e o Lajeadense recebe o Esportivo, na Arena Alviazul. Na foto acima, de Eilmar Martins, do Jornal da Manhã, o centroavante Dinei, autor do gol farroupilhense, tenta jogada à frente junto com o atacante Raphael Alemão. 

Segundona Gaúcha (7ª rodada do turno - Grupo B)
São Luiz   1
Jonatas; Adriano (Rafael Lima), André Bahia, Ricardo Thalheimer e Augusto; Zé Lucas (Tiago Moraes), Tiago Gaúcho, Tiago Silva (Caetano) e Ronaldinho Gramadense; Jean Dias e Ari
Técnico: Paulo Henrique Marques
Brasil   1
Ismael; Thomas, Kaio, Douglas e Gustavinho; Maiquel, Capinha (Filipe), Willian Bones e Michel; Raphael Alemão e Dinei (Kessler)
Técnico: Paulo Matos
Gols: Dinei, aos 44 do 1º tempo, para o Brasil; Jean Dias, aos 45 do 2º tempo, para o São Luiz
Arbitragem: Leandro Martins, auxiliado por Rui Renato Vergara Júnior e Rodrigo Duarte Moraes